Página Inicial / Aconteceu/ Ultima hora / Neymar volta após 3 meses, marca e Brasil vence

Neymar volta após 3 meses, marca e Brasil vence

Equipe de Tite ganhou o amistoso preparatório para a Copa do Mundo contra a Croácia

Neymar está de volta ao futebol após três meses da cirurgia no quinto metatarso do pé direito. O camisa 10 entrou no segundo tempo e mostrou que a equipe de Tite ainda depende muito do seu talento. O atacante precisou de apenas 23 minutos em campo para marcar um belo gol e abrir caminho para a vitória a Seleção Brasileira contra a Croácia por 2 a 0 em amistoso realizado em Anfield Road, em Liverpool (Inglaterra).

Sem o seu principal craque, Tite optou por uma formação mais defensiva e escalou Fernandinho entre os titulares. Porém, o esquema não funcionou e o Brasil teve muita dificuldade de criação na primeira etapa. Coutinho, Willian e Gabriel Jesus ficaram isolados e não conseguiam se conectar.

A saída de bola entre Alisson, Miranda e Thiago Silva também foi problemática no primeiro tempo. Os croatas pressionaram e levaram perigo para a meta verde e amarela em algumas oportunidades.

Na volta do intervalo, Neymar entrou no lugar justamente de Fernandinho e fez o time todo crescer com ele. Casemiro passou a ganhar as disputas no meio de campo e as triangulações começaram a aparecer no ataque.

Tite aproveitou para testar a equipe e mandou a campo Filipe Luis, Fred, Taison, Marquinhos e Roberto Firmino. O centroavante do Liverpool teve duas oportunidades de ampliar, mas acabou mandando para fora. Porém, nos acréscimos ele aproveitou passe de Casemiro e deixou sua marca em ‘casa’ para sacramentar a vitóra brasileira.

No próximo domingo, dia 10, a seleção fará o último amistoso preparatório antes da Copa do Mundo, quando enfrentará a Áustria em Viena. Depois, embarca para Sochi, onde fará os ajustes finais para a estreia, dia 17, contra a Suíça, em Rostov on Don.

O JOGO – O Brasil esperava um teste difícil contra os croatas, e teve. Os europeus têm proposta de jogo semelhante à da equipe de Tite e, ao empregá-la, não permitiram que a seleção jogasse na primeira etapa. A marcação forte desde a saída de bola, o encurtamento dos espaços e o bom posicionamento defensivo não permitiram que os brasileiros criassem nada nos primeiros 30 minutos.

A Seleção tinha a bola por bom tempo em sua linha defensiva. Então, a Croácia subia a marcação e não permitia que as jogadas fossem iniciadas. Os zagueiros e os volantes brasileiros tocavam tocavam, e não saiam do lugar. Pior: por várias vezes perderam a bola, pois, pressionados, erravam o passe. Além disso, o goleiro Alisson teve de apelar para os chutões em momentos em que foi pressionado pelos atacantes croatas. O meio-campo do Brasil, marcado fortemente, não conseguia armar e as investidas se resumiam basicamente às tentativas de arrancadas de Willian.

A equipe também pressionava a defesa croata na saída de bola e o capitão Gabriel Jesus atrapalhou várias reposições do goleiro Subasic. Mas chances de gol não foram criadas. Os chutes de Coutinho aos 22 e 24 minutos, sem direção, foram o máximo que o Brasil conseguiu.

Já a Croácia quase chegou ao gol em uma cabeçada de Lovren aos 11 minutos, após escanteio cobrado por Modric, o cérebro do time e teve boa chance na sequência com Kramaric, mas Allison fez boa defesa.

Depois dos 30 minutos, a seleção melhorou um pouco. Criou algumas jogadas pelo lado direito, com Willian, Paulinho avançou um pouco e Gabriel Jesus, que até então tinha de voltar várias vezes para buscar a bola, pôde trabalhar mais à frente. No entanto, a rigor, o Brasil não conseguiu concluir com perigo contra Subasic. O primeiro tempo teve alguns lances ríspidos, com a entrada de Kramaric em Thiago Silva e a de Fernandinho em Vida, entre outras.

Na etapa final, com Neymar em campo no lugar de Fernandinho, o Brasil voltou ao esquema mais ofensivo e melhorou. Passou a tomar a iniciativa do jogo de forma efetiva e a jogar mais no campo adversário. Willian foi bem pela direita. Aos cinco minutos Marcelo tentou surpreender Subasic de fora da área, mas errou o alvo. Aos 11, Danilo quase mandou a bola para fora do Anfield ao tentar bater de primeira. Aos 12, Neymar finalizou cruzado, mas o chute foi fraco e o goleiro defendeu. A Croácia respondeu dois minutos depois com uma cabeçada de Rebic, que obrigou Alisson a fazer grande defesa.

Os dois treinadores começaram a fazer mudanças em seus times e taticamente o jogo perdeu muito. Restava a qualidade individual dos jogadores. Ou melhor, do jogador.

Aos 23 minutos, Neymar mostrou por que é um dos melhores do mundo. Recebeu de Willian pela esquerda, faixa que gosta, driblou dois zagueiros e mandou um balaço, indefensável para o goleiro Subaric. Emocionado, comemorou como se fosse um gol de final de Copa do Mundo.

Neymar tentaria novamente de falta, sem sucesso, mas a partida já havia perdido a graça, tamanho o número de substituições. No Brasil, por exemplo, Firmino entrou no lugar de Gabriel Jesus, sendo bastante aplaudido. Já Philippe Coutinho, quando saiu para dar lugar a Fred, recebeu vaias. Um pouco por sua má atuação e também porque pelo menos parte da torcida do Liverpool ainda não o perdoou pela “ingratidão” de trocar o time pelo Barcelona.

Danilo ainda teve uma boa chance de ampliar, mas chutou por cima. Mas ainda deu tempo para a estrela da casa, Roberto Firmino, fazer o segundo do gol, ganhando uma disputa com a zaga e encobrindo o goleiro com bonito toque.

Fonte.: Reuters

Sobre admin

Veja também

Radiografia do Sebin, o temido serviço de inteligência de Venezuela

Classificado pelas organizações dos direitos humanos como “instrumento de perseguição política”, o serviço de inteligência …

Em jogo sem TV, Palmeiras vence o Atlético-MG e assume a ponta do Brasileiro

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – Na primeira grande partida sem transmissão de TV do Campeonato …

Itaú planeja fechar até 400 agências no Brasil

Com o objetivo de se adequar à migração das transações bancárias de clientes para canais …

Idoso discute com vigilante de banco e é baleado no abdômen

  Um idoso foi baleado por um vigilante de uma agência do banco Bradesco, na …

Tamiko entrega trator e implemento agrícola para o Timboré

Na manhã desta segunda-feira (13) a prefeita Tamiko Inoue realizou ao lado do vereador Joaquim …

Morte misteriosa de cinco pessoas deixa a Alemanha em choque

A morte misteriosa de cinco pessoas, que tiveram os corpos encontrados na Baixa Saxônia, três …

Cultura de Andradina fez homenagem ao Dia das Mães

A Secretaria de Cultura do Governo de Andradina realizou na noite da última sexta-feira (10), …

Hamilton vence GP da Espanha e assume liderança da Fórmula 1

Deu Mercedes novamente. Na manhã deste domingo, Lewis Hamilton largou na segunda colocação, assumiu a …

Aldo cansa no fim e é derrotado por Alexander Volkanovski por decisão unânime no Rio de Janeiro

Ex-campeão dos pesos-penas do UFC começa a luta muito bem, mas é superado pelo fôlego …

Minotouro é nocauteado por Spann, e Thiago Moisés e Warlley Alves vencem no UFC Rio 10

Peso-meio-pesado não resiste a direto e uppercut do americano e cai nocauteado no primeiro round. …

Anderson Silva lesiona o joelho após receber chute baixo e perde para Cannonier no UFC 237

Americano recebe muitas vaias ao comemorar vitória no primeiro round contra o Spider, no co-evento …

Jéssica honra o mestre e o apelido “Bate-Estaca”, nocauteia Rose e conquista cinturão do UFC

Paranaense é a terceira brasileira a ser campeã do UFC, ajuda o país a se …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *