Página Inicial / Aconteceu/ Ultima hora / Laudo do IML revela a causa da morte do jornalista Ricardo Boechat

Laudo do IML revela a causa da morte do jornalista Ricardo Boechat

Dados divulgados nesta sexta-feira, 15, pelo Instituto Médico Legal (IML) mostram a causa da morte do jornalista Ricardo Boechat, que era um dos ocupantes do helicóptero que caiu em São Paulo na segunda-feira. 

De acordo com o laudo, o jornalista faleceu em decorrência de um politraumatismo causado pela queda do helicóptero e sua respectiva batida com um caminhão.

Os exames realizados pelo IML não identificaram nenhum sinal de fuligem na traqueia ou nos pulmões do jornalista.

A dosagem de monóxido de carbono foi encontrada em uma concentração abaixo de 10% de carboxihemoglobina no sangue, indicando que Boechat já havia morrido antes de ser exposto ao gás.

O acidente

A queda ocorreu no quilômetro 7, sentido Castelo Branco, perto do acesso à Rodovia Anhanguera. O chamado de socorro foi registrado às 12h14 e os agentes conseguiram extinguir o fogo.

A CCR Rodoanel Oeste, concessionária responsável pela administração da via, resgatou uma terceira vítima com ferimentos leves; tratava-se do motorista do caminhão.

Boechat voltava de uma palestra em Campinas, no interior do estado, no momento da queda. A informação da morte foi reproduzida pelo jornalista José Luiz Datena. A aeronave tinha por destino heliponto da Band, no Morumbi, zona sul da capital paulista.

Segundo relatos de testemunhas, o helicóptero tentava fazer um pouso no acesso de quem sai do Rodoanel para a rodovia Anhanguera e acabou se chocando com um caminhão — o veículo vinha da saída de um pedágio e não conseguiu parar a tempo. O incêndio que atingiu a aeronave foi decorrente da batida.

Fonte.: Yahoo Notícias 

Sobre admin

Veja também

Temer é ‘chefe da organização criminosa’, dizem Justiça Federal e MPF

O ex-presidente Michel Temer, preso preventivamente nesta quinta-feira pela força-tarefa da operação Lava Jato, foi apontado …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *