Página Inicial / Aconteceu/ Ultima hora / Ex-governador do Rio, Sérgio Cabral e condenado pela nona vez e já soma 197 anos de prisão

Ex-governador do Rio, Sérgio Cabral e condenado pela nona vez e já soma 197 anos de prisão

O ex-governador do Rio Sérgio Cabral foi condenado nesta segunda-feira pela nona vez na Operação Lava-Jato. A pena dada pelo juiz Marcelo Bretas, desta vez, foi de 14 anos e 5 meses por lavagem de dinheiro. Ao todo, a condenação de Cabral chega a 197 anos e 11 meses de prisão.

Além do ex-governador, também foram condenados pelo mesmo crime Maurício Cabral, irmão do político, e a sua ex-mulher, Susana Neves. Maurício recebeu pena de 4 anos e 6 meses e Susana, de 8 anos e 4 meses. Flávio Werneck, empresário da FW Engenharia, recebeu pena de 8 anos e 4 meses e o contador Alberto Silveira Conde, 6 anos.

De acordo com a denúncia do MPF, a empreiteira aumentou em 37 vezes o volume de contratos durante a gestão Cabral, algo alcançado graças ao favorecimento da FW Engenharia nas licitações em troca de propina ao ex-governador e seus familiares.

O valor identificado em propina, R$ 1,7 milhão, foi realizado em pagamentos da Survey Mar e Serviços Ltda, empresa que pertencia a Alberto Conde, contador da FW Engenharia. Uma das empresas de faixada que recebia os pagamentos era a Araras Empreendimentos, pertencente à ex-mulher de Cabral, Susana.

Os advogados de Maurício Cabral, Daniel Raizman e Fernanda Freixinho, afirmam que o cliente é inocente e vão recorrer da sentença. Segundo eles, “o juiz não avaliou adequadamente o conjunto probatório, em especial o depoimento do colaborador Carlos Miranda, que afirmou na sua delação e ante o juízo, que Mauricio Cabral não participou do esquema criminoso”.

Fonte.: Yahoo Notícias

Sobre admin

Veja também

Max Holloway atropela Brian Ortega e mantém cinturão dos galos do UFC

Grande atração do UF 231, o combate entre Max Holloway e Brian Ortega valia o …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *