Página Inicial / Aconteceu/ Ultima hora / Diretor de saúde do Ultimate justifica decisão de liberar Jones para UFC 232

Diretor de saúde do Ultimate justifica decisão de liberar Jones para UFC 232

Diretor de saúde do Ultimate justifica decisão de liberar Jones para UFC 232
A mudança de sede do UFC 232, que será realizado no próximo sábado (29), em Inglewood, no estado americano da Califórnia, motivou uma postagem do diretor de saúde e performance do Ultimate, Jeff Novitzky, justificando a decisão de alterar os planos para garantir a presença de Jon Jones no evento.
A alteração fez-se necessária pelo fato de ter sido encontrada uma pequena quantidade de turinabol em um exame antidoping realizado em Jon no início de dezembro. Como a Comissão Atlética do Estado de Nevada (NSAC) se negou a conceder a licença para ‘Bones’ lutar em Las Vegas sem ter tempo para investigar os resultados laboratoriais, o Ultimate levou o show para a Califórnia, onde o ex-campeão dos meio-pesados (93 kg) já tem autorização para entrar no octógono.

Novitzky afirmou que a melhoria na tecnologia dos exames obriga as entidades que cuidam do esporte a avaliar cada contexto e cada caso individualmente. O dirigente deu a entender que sabia que a complexa situação não teria aprovação unânime dos fãs e de profissionais ligados ao MMA.

“Este caso exemplifica quão avançados e sensíveis os exames antidoping se tornaram. Com isso, vem uma responsabilidade maior e a necessidade de olhar cada situação objetivamente. A decisão de ontem (domingo) mostrou as duas coisas. Não se pode agradar a todos, mas foi a coisa certa a fazer”, postou no seu Twitter (veja abaixo ou clique aqui).

O UFC 232 vai definir o novo campeão dos meio-pesados (93 kg), uma vez que o cinturão foi deixado vago por Daniel Cormier, atual detentor do título peso-pesado. Jones e Alexander Gustafsson vão batalhar na luta principal, enquanto Cris ‘Cyborg’ e Amanda Nunes lutam pelo título peso-pena (66 kg).

This case exemplifies how advanced and sensitive drug tests have become. With this comes a greater responsibility and the need to look at each situation objectively. The decision yesterday showed both of these things. Can’t make everyone happy, but it was the right thing to do.

— Jeff Novitzky (@JeffNovitzkyUFC) December 24, 2018

Fonte.: AgFight

Sobre admin

Veja também

Após caso Paulo Preto, Lava Jato de SP vai mirar metrô e parentes de Lula

SÃO PAULO, SP (FOLHAPRESS) – A página virou para a Lava Jato de São Paulo. …

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *